Share |

BE contesta fim do posto territorial da GNR em Lagos

Cecília Honório questionou o Ministério de Aguiar Branco sobre o possível fim do posto da GNR de Lagos

Cecília Honório questionou o Ministério de Aguiar Branco sobre o possível fim do posto da GNR de Lagos.

Na sequência das notícias que dão conta da necessidade de requalificar as instalações do posto territorial da GNR de Lagos, veio ao terreiro a informação de que o Ministério da Administração Interna prepara-se para transferir o destacamento da GNR de Lagos para Vila do Bispo.

Esta informação levou inclusive a unanimidade da Assembleia Municipal de Lagos a manifestar-se numa moção que alerta o poder para as consequências negativas de tal decisão.

Para o Bloco de Esquerda, esta decisão, fundada em critérios de racionalidade económica esquece o essencial: as populações e as suas necessidades, pois é ignorado o papel da GNR na segurança das zonas rurais e na faixa litoral do Concelho, sujeita aos afluxos populacionais decorrentes do turismo e, ignora ainda uma população envelhecida e com acessibilidades limitadas.

A deputada do Bloco de Esquerda exige um esclarecimento sobre a aplicação duma decisão desta natureza, sem uma avaliação prévia dos riscos para a segurança das populações e quando se prepara para ser aplicada à revelia da comunidade e em sentido diferente das decisões políticas locais.

Ler aqui pergunta diriga ao Governo.